Marketing de Conteúdo

mkt-conteudo-publicitariadigitalO que sua empresa precisa para se tornar conhecida e alavancar seus resultados

Por: Luciana Almeida

Alguns trabalhos são necessários para que sua empresa tenha o tão sonhado sucesso. Um deles, e talvez um dos mais importantes, é o Marketing, que nada mais é do que se relacionar com as pessoas. E o Marketing de Conteúdo, é a estratégia de produzir conteúdo interessante para seu público-alvo, que o auxilie em todo processo de compra e o atraia de forma natural e espontânea. A ideia consiste em informar as pessoas para fazer com que futuramente elas não só respeitem a sua marca e a tenham como referência, mas também se tornem clientes de sua empresa.

O consumidor de hoje está mais exigente, ele tem pesquisado cada vez mais antes de adquirir um produto ou contratar um serviço. Por exemplo, quando desejamos adquirir um novo smartphone, a primeira atitude que temos é buscar no Google conteúdos que indiquem qual o melhor aparelho daquele momento, qual possui o melhor custo benefício, as mais recentes tecnologias presentes naquele telefone móvel e quais aplicativos são compatíveis com o sistema operacional do seu futuro novo celular. (Fonte: http://5seleto.com.br).

Para que seus resultados na internet sejam relevantes, é importante ter esse conteúdo bem alinhado e que atinjam o público interessado em seu produto ou serviço. Um trabalho de Marketing de Conteúdo começa pelo site da sua empresa, que precisa atualmente estar numa linguagem moderna e ser um site responsivo, isto é, acessível pelo celular, além de Blog com conteúdos relevantes sobre a sua área de atuação, envios frequentes de e-mail marketing para sua base de clientes, como também possuir redes sociais, tais como: Facebook, Twitter, Instagram, YouTube, entre outros, para que as pessoas possam conhecer melhor o que você e sua empresa tem a oferecer.

Com todos os tópicos mencionados acima, estar integrado e conectado com um bom gerenciamento nas Redes Sociais, e ainda, ativar campanhas no Google, serão mais relevantes, terão um alto índice de qualidade, atingindo as expectativas do seu negócio e das suas vendas. É importante salientar que todos esses conteúdos devem ter uma conexão de informações bem trabalhadas para que o sucesso pretendido seja alcançado.

 

Para saber mais, entre em contato com a gente:

WhatsApp: (11) 99590-2984
Tels: (11) 2384-1445 / 1446
E-mail: agencia@recriativi.com.br
Site: www.recriativi.com.br

 

AÇÕES DE MARKETING PARA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

Saiba como tornar sua empresa/marca mais conhecida no mercado
investimento_marketing-770x400
Por: Luciana Almeida

Hoje, mais do que nunca, com o avanço dos meios de comunicação digitais e a alta competitividade, conseguir melhorar a divulgação e produtividade de qualquer empresa é fundamental. Assim, contar com uma boa ação de marketing pode ajudar bastante o seu negócio a ter mais sucesso. Mais do que uma ajuda, o trabalho de divulgação pode contribuir para que sua empresa consiga uma grande vantagem competitiva.

Um bom planejamento de criação de ações de marketing criativas, traçando os objetivos da empresa de forma precisa, trabalhando o papel que sua empresa pretende ocupar no mercado é possível traçar metas, além de alinhar as necessidades, montando um planejamento de acordo com a realidade financeira do seu negócio. Engana-se quem pensa que somente as grandes empresas podem trabalhar com Marketing. Pelo contrário, esse é um grande benefício que ajudará seu negócio a economizar dinheiro e até mesmo ganhar tempo. Com uma equipe especializada nas estratégias de divulgação e comunicação, os profissionais especializados saberão escolher as melhores ações e campanhas, atingindo o seu público-alvo de forma muito mais eficiente. Dentro de todo esse trabalho, realizar um bom gerenciamento de redes sociais (uma pesquisa da Secretaria de Comunicação Social (Secom), do governo federal, revelou que 92% das pessoas que usam a internet estão nas redes sociais. Fonte: uol.com.br), com campanhas de anúncio patrocinado no Google, além de outras formas de fazer sua empresa ser mais vista, como postagens no Facebook, Linkedin, Instagram, etc. e posicionamento do site nos buscadores, SEO, é primordial para fazer a sua empresa ou serviços crescerem cada vez mais.

Você que está pensando em montar um negócio próprio ou que já possui e precisa dar um gás na área de marketing/divulgação, essa é uma ótima oportunidade.  Esses tipos de ações de marketing visam atrair novos clientes e aumentar as vendas, elaborando um planejamento e definindo planos de ação para alcançar as metas e objetivos estabelecidos. (Fonte: SEBRAE)

Posicione sua marca, produtos e serviços de acordo com seus objetivos e fortaleça a sua imagem ou a imagem da sua marca. Nós da Recriativi, empresa certificada pela Comschool (empresa de Negócios Digitais), podemos te ajudar a alavancar seus negócios garantindo o resultado de acordo com o seu investimento.

Para saber mais, entre em contato com a gente:

WhatsApp: (11) 99590-2984
Tels: (11) 2384-1445 / 1446
E-mail: agencia@recriativi.com.br
Site: www.recriativi.com.br

A IMPORTÂNCIA DAS REDES SOCIAIS PARA SUA EMPRESA

social-media-recruitment
Cada vez mais essas ferramentas são utilizadas para o relacionamento entre empresas e clientes

Por: Luciana Almeida

A Internet hoje é, sem dúvida, uma ferramenta indispensável para muita gente, pois facilita a vida das pessoas em vários aspectos. Ela possibilita uma disseminação ágil de conteúdo que ajuda as empresas a divulgar, de uma forma direta, personalizada, rápida e eficiente, seus produtos e serviços. Hoje, é difícil imaginar um mundo sem a internet.

Em março deste ano o IBOPE divulgou uma pesquisa, apontando que os brasileiros ficam em média 3h39 diárias navegando na internet, e as redes sociais são os sites mais acessados. (Fonte: geracaointerativa.com.br).

Com a evolução da tecnologia, surgiram as redes sociais, ferramentas que começaram como parte vital do relacionamento com amigos e familiares e passou a ser um canal fundamental para o relacionamento de empresas e seus clientes. As pessoas estão cada vez mais conectadas em algum tipo de comunidade online, como: FacebookInstagramLinkedin ou tantas outras redes sociais existentes. É inegável a força da mídia social e por esse motivo as empresas estão investindo nesse meio, e com isso criam uma aproximação cada vez maior com seus clientes e otimiza seu tempo.

O Marketing Digital é um mercado que vem ganhando cada vez mais espaço, e com as redes sociais em alta, as empresas estão apostando nessa estratégia para colocar suas marcas, produtos e serviços em evidência. E não basta apenas criar contas nessas redes, é preciso ter conhecimento para atingir o objetivo. É importante deixar a gestão com quem entende, para que a imagem do seu negócio seja positiva.

A Recriativi é uma agência de Marketing Digital e pode auxiliar você na comunicação da sua empresa com seu público-alvo. É especializada em gerenciar redes sociais, como o Facebook (através da Fan Page), Linkedin (com a Company Page), Instagram, Youtube e muito mais. Outro detalhe importante é que a Recriativi é uma agência focada no atendimento a pequenos e médios empresários e elabora propostas de acordo com a condição e tamanho de cada empresa. Então, não tem desculpas para não fazer parte deste mundo que cresce a cada dia.

Para saber mais, entre em contato com a gente:

WhatsApp: (11) 99590-2984
Tels: (11) 2384-1445 / 1446
E-mail: agencia@recriativi.com.br
Site: www.recriativi.com.br

Sua empresa no topo das pesquisas

Por: Luciana Almeida

tipos-de-busca-na-internet-através-do-google

A internet é uma grande aliada para quem quer mostrar seus serviços e produtos de uma forma rápida e prática. A 11ª edição da pesquisa TIC Domicílios 2015, que mede a posse, o uso, o acesso e os hábitos da população brasileira em relação às tecnologias de informação e de comunicação, mostra que 58% da população brasileira usam a internet – o que representa 102 milhões de internautas. (Fonte: Portal Brasil).

O Marketing Digital mudou a maneira como as empresas se comunicam com seus consumidores. Para facilitar ainda mais esse tipo de comunicação, existem ferramentas, como alguns serviços do Google, que anunciam seus produtos e serviços diretamente à quem interessa. Com isso, você atinge seu público alvo de uma forma mais rápida, prática e com baixo custo diante de outras mídias.

Com o aumento da publicidade digital em todo o mundo, as empresas estão cada vez mais destinando uma porcentagem de suas verbas para propagandas na internet, visando mostrar seus produtos e suas marcas. Uma campanha de Publicidade Online pode ser feita também por clientes de pequeno e médio porte que desejam estar presentes nos mecanismos de busca. As principais vantagens de uma campanha de publicidade na internet são:

  • a segmentação e interatividade com o público-alvo;
  • custos muito inferiores a outras mídias;
  • acompanhamento de resultados;
  • adaptação constante das ações publicitárias.

Se você ainda não anuncia no Google, está na hora de repensar sua estratégia. Nós da Recriativi, empresa certificada pela Comschool (empresa de Negócios Digitais), podemos te ajudar a alavancar seus negócios garantindo o resultado de acordo com o seu investimento.

Para saber mais, entre em contato com a gente:

WhatsApp: (11) 99590-2984
Tels: (11) 2384-1445 / 1446
E-mail: agencia@recriativi.com.br
Site: www.recriativi.com.br

Declaração de Imposto de Renda: por onde começar?

imagem_Imposto.jpg

Por Fatima Macedo.

Hoje começa a entrega da Declaração de Ajuste do Imposto de Renda das Pessoas Físicas em todo o país.

Você sabe porque chama declaração de ajuste? Porque o IR deve ser calculado e pago mensalmente, e na declaração esse cálculo é ajustado para ver se o contribuinte pagou à menor (então paga-se a diferença na época da declaração), ou se pagou à maior (gerando o direito a receber a famosa restituição).

O prazo final para entregar a DIRPF é no último dia útil de abril, para 2017 se encerra em 28/04, às 23h59m. Você deve estar pensando: é bastante tempo, depois eu penso nisso! Mas esse depois passa rápido e quando você se der conta faltará só 10 dias pra fazer a tal declaração.

E agora, por onde começar?

Bom, o primeiro passo é saber se você está obrigado a declarar! Segue abaixo, resumidamente, quem não pode fugir da raia:

  • Recebeu rendimentos tributáveis superior a R$ 28.559,70 no ano de 2016;
  • Recebeu rendimentos isentos, não tributados ou tributados exclusivamente na fonte acima de R$ 40 mil anuais;
  • Obteve Ganho de Capital na venda de bens ou direitos, sujeito à incidência de imposto;
  • Realizou operações em bolsa de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
  • Optou pela isenção do IR no Ganho de Capital da venda de bens imóveis (aquisição de outro bem em 180 dias);
  • Tem bens cuja soma ultrapasse R$ 300 mil;
  • Passou à condição de residente no Brasil;
  • Com relação à atividade rural: obteve receita bruta acima de R$ 142.798,50 anual, e/ou pretenda compensar prejuízos.

Bem, esse assunto é bastante complexo e cheio de “poréns”, mas vamos tentar facilitar o entendimento…

Quanto aos rendimentos, se você é assalariado, deve receber o Informe de Rendimentos da empresa. Lá, constam todos os valores, separados por categoria: tributáveis, isentos, exclusivos na fonte, etc. Dessa forma, fica mais fácil saber se está ou não no rol dos que não poderão deixar de declarar! Autônomos que prestam serviços para empresas também recebem esse documento.

DICA: Caso você trabalhe “por conta” e não controla muito bem as suas finanças, CUIDADO! A Receita Federal tem meios de saber o quanto você recebeu durante o ano, seja pela conta bancária, seja pelas informações dos seus clientes! Então é melhor se cuidar e melhorar esses controles o mais rápido possível.

Outro fator importante é quando você vende um bem que gera um Ganho de Capital. O que é isso? Comprei uma casa por R$ 100 mil e vendi por R$ 120 mil: GANHEI R$ 20 mil nessa transação! Esse ganho chama-se “Ganho de Capital” e, além de estar sujeito ao pagamento de IR, deve ser informado à Receita. Existem reduções e isenções nesse cálculo, e uma declaração acessória à DIRPF faz o cálculo desse ganho, e informa se incide ou não imposto.

DICA: Um detalhe importante nesse assunto é que a informação do ganho e da incidência ou não do IR se dá na declaração de ajuste, porém o imposto deve ser calculado e pago na época do fato, ou seja, na venda ou recebimento! Caso não tenha afinidade com o tema e teve bens vendidos em 2016, sugiro que procure um contador especializado.

Quanto aos bens, o valor ser acima de R$ 300 mil não é nenhum absurdo! O que faz ser obrigado a declarar está na SOMA dos bens, ou seja, soma-se os valores da casa, carro, saldos bancários, quotas de participação em empresas, entre outros. Devo lembrar que não são todos os bens que devem ser declarados: estão dispensados os bens móveis abaixo de R$ 5.000,00; saldos bancários abaixo de R$ 140,00; ações abaixo de R$ 1.000,00; entre outros.

Caso você esteja obrigado à entregar a declaração, mas figura como dependente de outro contribuinte, talvez você esteja dispensado da entrega.

DICA: Nem sempre o dependente é vantajoso. É preciso analisar os números para ter um diagnóstico mais certo.

Como mencionei lá no começo, esse tema é bem complexo e para explanar TODAS as possibilidades de quem e o que declarar, escreveria mais de 10 páginas!!!

Então, caso você ainda tenha dúvidas se deve ou não entregar a sua declaração, consulte um contador especializado. Eu, como tal, posso dizer que estudamos pra isso e saberemos orientá-lo.

E não deixe para a última hora, pois a falta da entrega ou sua entrega fora do prazo gera multa.

Boa sorte e sucesso!
Fatima Macedo.

Organize a sua empresa!

organie-sua-empresa.jpg

Por Fatima Macedo – Sócia proprietária da QSM Contabilidade

Depois de um ano tumultuado, 2017 começou e está em clima de renovação! Muita gente está querendo mudar, colocar em prática planos antigos, fazer acontecer planos novos, “botar pra quebrar”.

Em matéria empresarial, tenho que dar um conselho “de mãe”: regularize a sua empresa! E isso se estende ao MEI que na realidade não poderia ser MEI, ao autônomo que não declara tudo o que ganha, ao empresário que se preocupa somente com o seu core business e se esquece que a contabilidade é um braço importantíssimo em uma organização, e outros tantos empreendedores que não só se preocupam com vender, sem enxergar que o “resto” é tão importante quanto.

E para aqueles que trabalham certo, quem nunca pensou: cansei de ser certinho, aquele cara não paga nenhum imposto e nunca se deu mal! Bom, os dias para esse “cara” estão contados!

  • O fisco tem cada vez mais meios de cruzar as informações e saber o seu faturamento, mesmo que você tente escondê-lo. Declarações sofisticadas e sistemas de computador de última geração já são utilizados pela Receita Federal há muito tempo, e as grandes e médias empresas já estão “no cabresto”. Quem são os próximos? Os pequenos, é claro!

Se você é MEI, mas fatura mais do que a lei permite: cuidado, o fisco já sabe… transforme a sua empresa em uma ME. Se esta já não mais comporta, reenquadre-a em EPP. Se o faturamento aumentou, seja uma empresa de porte “normal”, mas regularize-se. Mais cedo ou mais tarde você terá que fazer isso!

  • Confira periodicamente se os dados do contrato social da sua empresa estão atuais. É muito comum as empresas não alterarem os seus contratos e terem problemas depois.

Toda alteração deverá ser comunicada ao fisco, como mudança de endereço, estado civil ou endereço residencial dos sócios, alteração no valor do capital social, alteração no nome da empresa, entre outras.

  • E uma alteração especial que muitas vezes passa despercebida: das atividades da empresa. É muito comum as atividades mudarem ao longo do caminho, e essa mudança deve ser informada ao fisco para que as licenças de funcionamento estejam de acordo com o que empresa faz.
  • Um bom planejamento tributário é essencial para o bom funcionamento de um negócio! E eu disse NEGÓCIO, e não “empresa”.

Você sabia que para algumas atividades prestadas por profissional autônomo a Receita Federal permite a dedução de algumas despesas da base de cálculo do IR?

E que o Simples Nacional não é vantajoso pra algumas atividades, como todo mundo pensa? E que mesmo uma empresa pequena pode optar pelo Lucro Real se a sua margem de lucro for pequena?

Vale a pena investir em um bom planejamento para saber se as decisões estão sendo tomadas de forma correta, pelo menos até o governo não mudar as regras!

Leia mais sobre planejamento aqui.

  • Se você não vai mais trabalhar com a sua empresa, encerre-a. Muitas vezes, porque ela não deu certo, ou porque apareceu uma oportunidade melhor, o empresário decide fechar as portas e sair sem olhar pra trás.

Às vezes até paga o contador por 6 meses ou 1 ano, mas isso vira um peso no orçamento doméstico (sim, porque essa despesa virou pessoal, já que a empresa não trás mais dinheiro para dentro de casa), e simplesmente a abandona à sua própria sorte! Amigos reforçam essa estratégia, dizendo que em 5 anos “caduca”… Não caia nessa!

Você sabia que desde o ano passado a Caixa Econômica não está concedendo o seguro desemprego para quem participa como sócio em alguma empresa, independente do tempo que empresa está parada? E muitas vezes, correr atrás para fechar a empresa nesse momento não dá tempo!

  • Eu não entendo nada que o meu contador diz“. Eu ouço essa frase o tempo todo… e quando eu escolhi a minha profissão eu fiz uma escolha: as pessoas vão ter que entender o que eu estou dizendo, nem que eu tenha que explicar outra vez, e outra, e outra…

Então, procure profissionais que expliquem de forma clara, com palavreado simples. Que expliquem o porquê você precisa fazer tal coisa ou porque você tem que decidir por esse ou aquele caminho. Quais os riscos de se ir por aqui e quais as vantagens de se ir por lá.

Pergunte, questione, pesquise, leia, corra atrás! Assim como na escola não gostávamos de algumas matérias, mas tínhamos que aprendê-las para “passar de ano”, alguns assuntos são tão importantes para que a sua empresa “passe de ano” quanto essas matérias chatas da escola.

A empresa é SUA, e por vezes é muito mais que o seu sustento! É a realização de um sonho! Você TEM que se preocupar com a saúde dela!

Boa sorte e sucesso!

Esse texto foi feito com base em um assunto conversado e sugerido pelas nossas parceiras comerciais da Recriativi, Carla e Kelly. E é com muito carinho e muito orgulho que eu escrevo e cedo à vocês a sua publicação! Muito obrigada pelo reconhecimento e interesse pelo nosso trabalho!

7 tendências de marketing digital para 2017 que você precisa saber

digi

Já podemos traçar as principais tendências do marketing digital para 2017 e também para os próximos anos. Nesse processo, há pontos que vieram para ficar e que serão o “novo normal”. E o profissional de marketing e as marcas que não entenderem isso poderão ser excluídas do jogo. Confira, abaixo, os rumos que irão nortear o marketing digital em 2017.

Compra de mídia personalizada em TV – Os tempos de televisão como o centro das atenções de toda a família já morreu. Hoje, todos possuem o seu dispositivo favorito para consumir conteúdo em vídeo e a televisão continua sendo um deles. Contudo, uma nova era desse tipo de consumo já está chegando: em breve teremos conteúdo personalizado na televisão também, assim como na internet e nos serviços de streaming. Os primeiros estudos e plataformas para a compra de mídia personalizada em TV já estão disponíveis e se dividem em três tipos: TV programática (assim como a TV tradicional, a compra nesse método é feita em grande escala, sendo a diferença entre as duas que há o uso de dados para definir a compra), TV endereçável (essa tecnologia permite não só atingir as casas numa escala um-a-um, mas também nos dá confirmação de entrega de impressão e volume, pois a compra é por audiências e não por programas) e TV conectada (capaz de atingir pessoas que não possuem assinatura de TV tradicional, usando dispositivos conectados como SmartTV, videogames, streaming ou video on demand).

Realidade Virtual (RV)/Realidade Aumentada (RA) – A RV já existe há décadas, mas apenas agora está se popularizando, com a diminuição dos custos e o lançamento de kits acessíveis ao consumidor comum. Para as marcas é uma oportunidade imperdível. Sem sair de casa, o indivíduo pode passar por experiências simuladas como pilotar aquele novo carro, assistir um desfile com os lançamentos de uma marca de roupas ou conhecer as instalações de um resort na Áustria. A criação de experiências significativas, mesmo que virtuais, ajuda a engajar o possível cliente. Já está sendo utilizado o termo v-commerce, em referência ao comercio eletrônico que pode surgir das experiências de RV. A RA, diferentemente, insere elementos virtuais no mundo real, como o recente game para smartphones Pokémon Go. Com essa tecnologia, as marcas podem integrar informações sobre produtos e ofertas no dia-a-dia do usuário, criando uma experiência imersiva mais profunda do que o simples envio de promoções pelo celular.

Native Advertising – O modelo de native advertising, ou publicidade nativa, já está sendo utilizado há algum tempo, mas ainda não atingiu seu máximo potencial. Em 2017 veremos um número ainda maior de publicidade nativa, em diversos meios e formatos. Native é, em definição, um tipo de conteúdo patrocinado que possui a mesma estrutura, linguagem e diagramação do restante do meio em que está inserido, seja um veículo de comunicação ou uma rede social. Uma publicação patrocinada no Facebook ou Instagram? Native. Um publipost em um site de notícias? Native. É uma maneira mais sutil de oferecer publicidade sem interferir na navegação do visitante e tornando a experiência muito mais agradável.

Geolocalização – O uso de dados de geolocalização não é necessariamente algo novo, mas é tão relevante e necessário como quando surgiu. Dados de CRM, histórico de compras e demográficos, por exemplo, nos dão uma boa ideia dos interesses dos consumidores, mas só a geolocalização nos dá o momento ideal para comunicar. É possível identificar quando o cliente está próximo da sua loja, indo para algum local específico ou até mesmo quando ele está em um concorrente. Para cada situação dessas há uma estratégia diferente, mas todas elas partem do mesmo princípio: saber onde seu consumidor está é uma das chaves do sucesso. Portanto, cada vez mais profissionais de marketing irão perceber as possibilidades que a geolocalização permite e aplica-las às suas estratégias.

Automação de Marketing/Website Personalization – Após um período de marketing intromissivo que assustou muitos consumidores (quem nunca ouviu alguém reclamar de estar sendo perseguido pelo mesmo anúncio em praticamente todo site que acessa?), as marcas parecem ter finalmente percebido a importância de oferecer conteúdo personalizado e relevante. Isso significa que a personalização das campanhas é uma tendência irreversível e que deverá ganhar bastante força em 2017. Um dos motivos é que, diante de tanto conteúdo disponível na WEB, tentar aparecer para todo mundo representará um resultado muito menos eficiente do que focar nas audiências que realmente estão propensas a se engajar com uma marca. Ou seja, a personalização será um grande diferencial competitivo nos próximos anos. E depois, será o novo padrão.

Plataforma de dados multifuncional – A medida que o número de telas que uma pessoa utiliza no dia a dia aumenta, o número de interfaces que os profissionais de marketing querem ver diminui. Quanto mais informações forem comprimidas em uma plataforma e uma interface melhor, pois mais dados podem ser vistos, analisados e comparados ao mesmo tempo, poupando tempo e trabalho. Já há até plataformas de dados que incluíram características de social em sua estrutura, como chat interno, atualização em tempo real de arquivos, criação de grupos e até “curtidas” dos trabalhos dos colegas. Dessa maneira, não só se economiza no número de interfaces, mas também no número de ferramentas utilizadas no dia-a-dia. É a velha máxima do “menos é mais”!

Inteligência Artificial (IA) – A IA como mostrada nos filmes, com máquinas assassinas assumindo o controle do mundo, provavelmente (e felizmente) será apenas ficção. Mas, aos poucos, a tecnologia de IA vai se infiltrando em nosso cotidiano. São exemplos disso os assistentes virtuais dos smartphones, os carros sem motorista do Google, o reconhecimento facial do Facebook e as rotas para desviar do trânsito propostas pelo Waze. No marketing digital, o Real-time Bidding (RTB) é baseado em algoritmos de autoaprendizagem que permitem a identificação dos compradores digitais mais valiosos e o direcionamento de anúncios personalizados para cada um deles. A IA também permite criar ações preditivas em relação às ações futuras do consumidor durante sua navegação, com base na análise do comportamento e das interações online do consumidor com a marca e concorrentes. De acordo com um estudo da eMarkteter de junho deste ano, 58% dos executivos de empresas norte-americanas de TI/business já usam a IA de algum modo.

 

Fonte: ADNEWS

Facebook testa função para oferecer vagas de empregos

Ainda não está claro se funcionalidade estará disponível no Facebook ou em sua versão profissional, o Facebook at Work; estratégia pode ser competir com o LinkedIn

Facebook.

O Facebook disse na última segunda-feira, 7, que está testando uma nova ferramenta para sua rede social: a possibilidade de empresas oferecerem vagas de empregos e receberem inscrições de candidatos. Quando for ao ar, a funcionalidade pode afetar uma das principais funções do LinkedIn, rede social profissional comprada pela Microsoft em junho deste ano por US$ 26,2 bilhões.

“Com base no comportamento que vimos no Facebook, em que muitos negócios de pequeno porte publicam abertura de vagas em suas páginas, estamos fazendo um teste para os administradores criarem anúncios e receberam informações de candidatos”, disse um porta-voz do Facebook à agência Reuters. Não ficou claro, porém, se o serviço estará disponível na rede social ou na sua versão profissional, o Facebook At Work, ainda sem data de lançamento prevista.

Hoje, a maior parte do faturamento do LinkedIn vem de usuários que utilizam a rede para procurar emprego, bem como agências de recrutamento que pagam tarifas mensais para publicar currículos e aumentar a rede de contatos de seus clientes.

Com a ferramenta de empregos do Facebook, as companhias podem gerar mais tráfego para suas páginas na rede social – o que as faria pagar para divulgar suas oportunidades de emprego a um número maior de candidatos, destacou o site TechCrunch.

Em outubro, o Facebook lançou o Marketplace, permitindo a compra e venda de itens entre seus 1,79 bilhões de usuários.

Fonte: link.estadao.com.br

Instagram lança três novidades para Stories: boomerang, mentions e links

O Instagram Stories — função que pegou os usuários de Snapchat de jeito — ganhou três novidades nesta quinta-feira (10). A primeira é a opção de incluir links, para que as pessoas possam saber mais sobre um post. A segunda, é a possibilidade de @mencionar alguém nas histórias. E por último, os boomerangs ficaram mais fáceis de fazer, diretamente no Instagram Stories. De acordo com o Instagram, as ferramentas começam a ser liberadas a partir de hoje.

Instagram Stories fica no topo do app e dá destaque a fotos do momento (Foto: Divulgação/Instagram)

Boomerang direto no Instagram

A ideia é introduzir novas ferramentas para deixar as histórias mais divertidas. O Boomerang, app adicional do Instagram, que permite transformar momentos do cotidiano em algo divertido e inesperado — como GIFs, agora pode ser feito dentro Instagram.

Como? Basta deslizar a tela para a direita do seu feed, abrir a câmera e ver a opção do Boomerang no Stories. A gravação reúne fotos em um mini-vídeo em loop, que repete para a frente e para trás.

Você também pode fazer Boomerangs direto do Instagram Stories (Foto: Divulgação/Instagram)

Menções em fotos

Agora você pode compartilhar com que você está ao mencionar pessoas em uma história. O recurso funciona da mesma forma que você já faz em legendas e comentários. Quando você adicionar texto na sua história pode incluir “@nomedousuário” — que aparecerá sublinhado na sua história. Quando toca a foto na área da menção, será encaminhado ao perfil marcado. Mas fique tranquilo, você receberá uma notificação quando for mencionado por alguém. Caso alguém que você não segue o mencione, você verá a notificação em suas solicitações de mensagens.

Agora você pode mencionar pessoas nas suas fotos do Instagram Stories (Foto: Divulgação/Instagram)

Links no Instagram

Agora você pode navegar por “Ver Mais” (ou See More, em inglês) para acessar links na parte inferior de algumas histórias. De acordo com o Instagram, isso ainda é um teste que permite que contas verificadas possam adicionar links externos. A ideia é que artistas, celebridades, marcas e sites de notícias possam incluir links para vídeos completos e maiores, artigos e outros.

Instagram agora deixa você levar as pessoas para um link externo em conta verificada (Foto: Divulgação/Instagram)

Atualize o Instagram!

As novas versões do Stories estão disponíveis para Instagram a partir da versão 9.7 — disponível para iOS (iPhone) na Apple App Store, para Android no Google Play e para o Windows 10 na Windows Store.

Fonte: techtudo

Site da Black Friday terá robô que avisa sobre promoções reais

Consumidores poderão receber ofertas e cupons de desconto pelo Messenger

pessoa-com-sacola-na-black-friday

São Paulo – A procura por ofertas deve ficar mais fácil na próxima Black Friday, que acontece no dia 25 de novembro. Os consumidores poderão receber promoções reais diretamente do site Blackfriday.com.br, ou seja, não será preciso buscar preços menores de maneira proativa.

Para enviar os produtos com desconto, a organização usará um robô – também conhecido como chatbot –, criado em parceria com a Smarkio, que fará a seleção de ofertas. As mensagens serão enviadas por meio da ferramenta de bate-papo do Facebook, o Messenger.

Quem escolher participar dessa conversa com o site da Black Friday no Facebook irá receber promoções e cupons de desconto de sites como Azul, Hering, Marisa, Natura, Passarela, Walmart, entre outros.

O consumidor também poderá fazer perguntas ao chatbot sobre um determinado produto, promoção ou cupom para encontrar o item desejado rapidamente.

Para receber as novidades sobre promoções, clique no botão de “enviar mensagem” na página da BlackFriday.com.br no Facebook e, então, em “começar conversa”.

Segundo a BlackFriday.com.br, a aguardada data de descontos nas lojas deve movimentar cerca de 2 bilhões de reais. Esse valor representa aumento de 34% em relação ao ano passado. São esperados mais de 4 milhões de pedidos com preço médio de cerca de 500 reais.

Chatbots

Os chatbots representam a maior novidade do Facebook anunciada em 2016. Esses robôs mensageiros podem conversar com humanos utilizando recursos de inteligência artificial para compreender o que é escrito de maneira mais natural, sem a necessidade do uso de termos específicos para interação.

Diversas empresas já utilizam os chatbots do Messenger para facilitar a vida dos consumidores. Você pode usá-los para realizar uma consulta online sobre algum produto ou serviço e até mesmo pedir uma pizza.

Fonte: EXAME.com